quinta-feira, 30 de agosto de 2018

Vamos analisar os reforços do Flamengo?

Nós torcedores costumamos ser muito emocionais com jogadores que vestem e representam seus times, em especial, nós torcedores que muitas vezes queimamos jogadores com nossos comentários, nossas cobranças, nossa necessidade de resultado imediato.
Alguns torcedores do Flamengo estão questionando o Vitinho, aquele jogador que se declarou flamenguista, que tinha opção de continuar jogando na Europa e ter muito menos dor de cabeça do que aqui, será que ele merece isto?

Pensemos em nossos reforços caso a caso:

Diego:

Chegou bem em 2016, fez boas partidas durante um bom tempo, até que se machucou em 2017, depois desta contusão, o jogador teve muitos problemas dentro de campo, sendo muito questionado pela imprensa em pela torcida, com o passar do tempo o jogador vem se recuperando, com muita dedicação e muito embora não venha sendo brilhante, já esta bem melhor do que neste período de dificuldades que citamos.

Éverton Ribeiro:

Chegou com grande expectativa, fez algumas boas partidas mas depois caiu de rendimento, juntamente com todo o grupo, com muito esforço porém foi deixando para trás atuações pífias e hoje é senão o principal, um dos principais jogadores do time, entregando construção de jogadas, assistência, combatividade e gols, ainda acho que ele pode render mais, porém já vem deixando a torcida satisfeita com suas boas atuações.

Diego Alves:

Outro que sofre quando chegou, não se sabe se a dificuldade é jogar no Flamengo, se adaptar ao futebol brasileiro ou as duas coisas, dificilmente um jogador chega no Mengão já arrebentando, por melhor que seja, hoje, o goleiro é um porto seguro de nossa defesa, onde quando o adversário passa pela zaga dá de cara com ele e normalmente não consegue passar.

Marlos Moreno:

É bom jogador, teve dificuldade no início, mas algo funciona estranho no Maior do Mundo, quando o Vitinho foi contratado ele começou a render e aí alternou entre banco e titularidade, só que o jogador é emprestado e caro, o que fazer se ele continuar evoluindo? Outro porém, é que o Flamengo foi atrás dele em um momento que precisava, e ainda precisa, de bons laterais, apesar de vários elogios ao Renê pela eficiência defensiva, quando a bola passa do meio campo a situação se altera e a qualidade não é a mesma.

Geovhanio:

Nem sei se vale à pena falar sobre ele, apesar da expectativa criada quando da sua contratação, não justifica em nenhum momento sua vinda, parece que veio passar o tempo aqui até o momento de voltar para a China.

Renê:

Limitado a ser um defensor muito bom, é até interessante ter no elenco, mas perceber que apesar da limitação tecnica ele se tornou titular absoluto do Flamengo é para parar pra pensar.

Trauco:

Ser reserva de um Renê limitado na parte ofensiva, mostra o quanto o Trauco é limitado na parte defensiva e o quando ele não esta entregando nem mesmo nos treinamentos.

Cuellar:

Mostrou com juros e correção monetária o quanto a torcida estava correta em desejá-lo como titular, sua dedicação de ajudar o time é de emocionar e sua qualidade técnica é clara, apesar daquele ex-comentarista achar que ele só toca para trás, é impressionante como esse ex-comentarista não enxergava a qualidade do jogador que inclusive não é primeiro cabela de área de origem. Acho importantíssimo o Flamengo sentar com ele e conversar demonstrando intenção de valorizá-lo visto que, hoje, ele ganha menos que o Rômulo que sequer entra no decorrer dos jogos.

Rômulo:

Todos lembravam do jogador que atuou pelo Vasco mas em nenhum momento ele reeditou as atuações do passado, acho importante tanto para o Flamengo quanto para o jogador facilitar uma saída do mesmo.

Uribe:

Difícil, me parece um bom jogador, mas em alguns momentos a maneira de jogar do time prejudica nossos centrovantes, daí fico sem entender o porque de contratar jogadores para esta posição se em minha opinião o esquema não comporta, ainda assim, acho que nós torcedores devemos ter calma em relação ao jogador que ainda pode nos entregar.

Vitinho:

Questionar a contratação deste jogador pra mim é no mínimo uma insanidade, o cara acabou de chegar, é muito bom jogador e veio por seu desejo de vestir nosso manto, o que é muito louvável nos dias atuais em que poucos jogadores dão importância a isto, digo também que quem acompanha futebol vai lembrar que tanto no CSKA quanto no Inter ele não engrenou de cara, mas depois que engrenou...

Nossa diretoria peca quando o assunto é futebol, todo mundo sabia que o investimento deveria ser direcionado para as laterais, carentes desde o ano passado, como agora é tarde demais, nos resta torcer para sermos campeões da Copa do Brasil e do Campeonato Brasileiro.





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja bem vindo querido flamenguista, expresse sua opinião.

Flamengo: Eduardo Bandeira de Mello e a Nebulosa venda de Paquetá

Pois é, foram dois mandatos como mandatário do maior clube do Brasil, o Flamengo, seis anos entre acertos administrativos acertados quando ...